Dia da Yoga: Muito além das posturas

Em 21/06/2022
Editoria
Turma em uma das aulas de Yoga com com Ruth Torquato e Lu Lupiano

Como já dissemos por aqui, a Yoga é uma filosofia completa, cultuada há milhares de anos em diversos cantos do planeta, mas que surgiu na Índia.

É importante ressaltar que boa parte das técnicas que existem hoje são variações do Hatha Yoga, que tem como foco trabalhar o corpo durante as práticas. Mas há muito mais além das práticas das posturas e respiração. E para escolher a linha que mais te contempla, é importante conhecê-las.

Yoga é muito mais do que você imagina

Algumas das principais linhas de Yoga que temos hoje são: Hatha Yoga, Bhákti Yoga, Karma Yoga, Raja Yoga, Kundalini Yoga, Ashtanga Yoga e Power Yoga.

Antes de falarmos um pouco de cada uma, precisamos primeiro entender que apesar de diferentes, todas as linhas seguem oito preceitos principais, que devem ser respeitados durante as práticas do Yoga:

  1. Yamas: viver seguindo um padrão de conduta moral e ético na vida
  2. Nyama: autodisciplina e ações positivas
  3. Ásanas: posturas físicas e a busca do equilíbrio entre mente, corpo e espírito
  4. Pranayamas: controle da respiração em busca da estabilidade

  1. Pratyahara: mergulho na consciência, aspectos internos em busca da meditação
  2. Dharana: estado de concentração sobre algo para realizar o processo meditativo
  3. Dhyana: meditação, estado de contemplação
  4. Samadhi: a consciência plena, a libertação final, controle total.

Esses oito preceitos devem estar conectados com os conceitos-base do Yoga, que são a Entrega (Ishvarapranidhana), o Autoestudo (Svadhyaya), Disciplina e esforço (Tapas), a Limpeza (Shaucha), o Desapego (Aparigraha), a Verdade (Satya) e a Não-violência (Ahimsa).

Principais linhas de Yoga

Hatha Yoga O mais popular no ocidente, caracterizado por um número menor de posturas, sendo essas mais básicas e indicadas para iniciantes. Trabalha a respiração, o equilíbrio e o alinhamento, por meio de momentos de relaxamentos nas aulas.

Bhákti Yoga A palavra significa “amor de Deus” e essa é a linha mais espiritual da Yoga, que busca a comunhão entre o ser humano e o Divino. Trabalha as questões emocionais e mentais através do espírito e da fé.

Karma Yoga O Karma Yoga também possui uma linha espiritual, mas diferente do anterior, aqui se busca o caminho de Deus por meio da ação. Leva em consideração o significado de causa e efeito, e por isso acredita que é preciso exercer um trabalho de altruísmo, baseado apenas no amor e no desapego.

Raja Yoga O Raja Yoga também tem como objetivo o desenvolvimento espiritual, sem foco no esforço físico, trabalha as ondas mentais e a meditação profunda. A prática consiste em quatro partes, chamadas de angas:

Pratyáhára: a abstração dos sentidos; Dháraná: total estado de concentração mental; Dhyána: total estado de meditação, sem pensar; Samádhi: estado de auto realização e hiper consciência de natureza iluminadora.

Kundalini Yoga A Kundalini tem uma ligação com a medicina ayurvédica e trabalha exercícios de respiração, postura, meditação, contração e gestos com as mãos, chamados de mudras.

Ashtanga Yoga Uma ramificação da Hatha Yoga que exige força, flexibilidade e consciência. É uma linha mais intensa, com bastante esforço físico. Além de desintoxicar o corpo por meio do suor, a prática ajuda a renovar o sangue, promove condicionamento físico, força, concentração, alinhamento da musculatura e equilíbrio.

Power Yoga Inspirada no Ashtanga, consiste na combinação de exercícios de respiração com a execução de posturas variadas, porém sem uma sequência fixa. Promove resistência, força, flexibilidade, consciência respiratória, concentração e vitalidade.

💡
VENHA COMEMORAR COM A GENTE. Nesse dia da Yoga, baixe o App da Mude. Lá, você conta com diversas aulas de Yoga On Demand para praticar onde estiver!